ESPOSENDE E O SEU CONCELHO


quarta-feira, 15 de junho de 2016

Loja Social de Esposende

ASAE doou bens 
à Loja Social de Esposende

Técnicos e inspetores esclareceram empresários sobre as normas polémicas
  
A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) doou, à Loja Social de Esposende, bens apreendidos no âmbito de ações inspetivas. Em colaboração com o Município, a Associação Comercial e Industrial de Esposende e a Escola Profissional aquela entidade promoveu, ainda, uma sessão, onde esclareceu comerciantes e alunos sobre "Ações Inspetivas, Segurança Alimentar, Livro de Reclamações”.

"Esta doação da ASAE está plena de significado, porque é importante saber para onde vão os bens apreendidos. Representa, ainda, o estreitamento de relações entre a ASAE e os municípios, abrindo um novo capítulo, de cooperação, a detetar problemas e ajudar a ultrapassá-los de forma preventiva", vincou o presidente da Câmara Municipal de Esposende. Esta nova postura da ASAE, de combate ao desperdício dos bens apreendidos permitiu que, no ano passado, fossem efetuadas 60 doações, equivalendo a 320 mil euros.

Os empresários presentes na sessão de esclarecimento levantaram dúvidas sobre a aplicabilidade das taxas audiovisuais, o livro de reclamações e situações de concorrência desleal. Mas, os que atuam na área da restauração, foram alertados para as novas normas que obrigam a incluir, por exemplo, flúor, o cloro, o bromo ou o iodo nas ementas, sendo certo que, no final do ano, será obrigatório apresentar também a tabela nutricional.


Segundo o subinspetor-geral da ASAE, Fernando Santos Pereira, estas ações de sensibilização funcionam como "primeiro ato de fiscalização. A formação é um caminho útil", sublinhando que, em Esposende, "a taxa de incumprimento às normas fiscalizadas pela ASAE fixa-se abaixo dos 20%. É uma situação de referência a nível nacional".

A concluir, Fernando Santos Pereira alertou para o facto de terem sido introduzidas, recentemente, “alterações que consistem no agravamento das multas, nomeadamente relacionadas com a venda e consumo de álcool, livro de reclamações e tabaco”.

A encerrar a sessão, o vereador responsável pelas Atividades Económicas da Câmara Municipal de Esposende, Maranhão Peixoto destacou a necessidade de todos estarem “mais elucidados, condição fundamental para ter capacidade de resposta” e lembrou que o principal objetivo da autarquia radica na “construção de um tecido empresarial sustentável. O município quer ser um parceiro ativo que ajuda os empresários a ultrapassar os problemas. Por isso promovemos esta sessão de esclarecimento”.
  
SERVIÇO DE COMUNICAÇÃO E IMAGEM
Praça do Município | 4740-223 Esposende

Farol de Esposende


Assinatura anual:
Portugal - € 17
Estrangeiro - € 20
Sede e Redacção: Av. Eng. Eduardo Arantes de Oliveira
Estação de Socorros a Náufragos - 4740-204 Esposende
Telefone / Fax 253 964 836