ESPOSENDE E O SEU CONCELHO


sexta-feira, 2 de Abril de 2010

Restaurante Camelo de Apúlia vence "Março com Sabores do Mar" 2010

“Robalo com Algas e Ouriços-do-mar”, do Restaurante “Camelo”, de Apúlia, foi o prato vencedor do Concurso Gastronómico “Março com Sabores do Mar”, que arrecadou também uma Menção Honrosa pelo factor “Inovação”.
O 2.º lugar pertenceu ao Restaurante “Moinho de Vento”, de Apúlia, que concorreu com “Sargo em Crosta de Sal” e o 3.º classificado foi o Restaurante “Água-pé”, da cidade de Esposende, que apresentou a concurso “Tranches de Peixe Porco com Algas e grelos”, tendo sido distinguido também com a Menção Honrosa pelo “Ambiente” e “Relação Preço/Qualidade”.
A entrega dos prémios e de diplomas de participação e lembranças decorreu, ontem à tarde, no Auditório Municipal de Esposende, numa cerimónia que incluiu também um desfile de fardamentos de cozinha pelos alunos da Escola Profissional de Esposende.
Nesta oitava edição do Concurso Gastronómico “Março com Sabores do Mar”, o Júri, presidido pelo Chefe Silva e constituído por Albino Penteado Neiva e João Leite Gomes, da Confraria de Gastrónomos do Minho, e pelos Chefes José Alexandre e António Alexandre, decidiu atribuir o Diploma de Mérito e Qualidade a restaurantes cuja qualidade gastronómica é de salientar.
Assim, o Restaurante “Rita Fangueira” recebeu o Diploma de Mérito e Qualidade, o Restaurante “Foz do Cávado”, além deste Diploma, foi distinguido também com uma Menção Honrosa pelo “Acompanhamento – Vinhos”, o Restaurante “Santo António” recebeu a Menção Honrosa “Acompanhamento - guarnição”, o Restaurante “Zé dos Leitões” a Menção Honrosa “Promoção”, o Restaurante “By Barca” a Menção Honrosa “Qualidade do Serviço”, e o Restaurante Biqueirão a Menção Honrosa “Higiene”.

Por sugestão da Comissão Gourmet e por unanimidade, foi decidido atribuir o Prémio especial revelação “Jovem Cozinheiro Profissional dos Sabores do Mar” a Maria José Lagoela, do Restaurante “Água Pé, e o Prémio especial “Carreira” a Ivete do Céu Vaz Martins (76 anos), do Restaurante “Bom Fim 2”, pela longevidade da sua carreira ao serviço da restauração.
Como forma de reconhecimento pelo historial e importância desta unidade de alojamento e pela qualidade do seu serviço, a Comissão Gourmet deliberou ainda atribuir o Prémio do Júri ao Axis Ofir Beach Resort Hotel, sendo que, por unanimidade do Júri, foi igualmente decidido distinguir a Escola Profissional de Esposende, pelos dezassete anos dedicados à formação e valorização técnica, profissional e pessoal dos jovens da região.
Relativamente ao 2.º Concurso Gastronómico do “Jovem Cozinheiro dos Sabores do Mar”, o Júri presidido pelo Chefe Silva e do qual fazem ainda parte Francisco Sampaio, da Confraria de Gastrónomos do Minho, Aníbal Soares, da Confrerie de la Chaine des Rotisseures, e o Chefe António Alexandre, decidiu atribuir o 1.º prémio a Silvana Neves, o 2.º lugar a Isabel Torres, e o 3.º a Tiago Vasco, sendo que os restantes três concorrentes, Teresa Moreira, José Mineiro e Luis Araújo, ficaram classificados em 4.º lugar ex-aequo.
Como habitualmente, foram entregues lembranças e prémios aos representantes e cozinheiros dos 15 restaurantes que integraram o concurso gastronómico, bem como um diploma de participação aos 26 restaurantes aderentes à décima primeira edição do “Março com Sabores do Mar”, tendo ainda sido presenteados com lembranças todos os parceiros da Câmara Municipal na promoção desta iniciativa, bem como os elementos do Júri.
À semelhança de edições anteriores, foi feita a entrega de um cabaz com produtos locais, no âmbito do sorteio relativo ao preenchimento dos inquéritos do “Março com Sabores do Mar”.
Em jeito de balanço, o Vereador do Turismo da Câmara Municipal referiu que esta é uma “iniciativa marcante a nível gastronómico do Norte do país”, que a Autarquia pretende “valorizar ainda mais” e que “constitui uma excelente oportunidade de negócio”para as unidades de restauração, que devem olhar para este evento como uma forma também de combater a crise. Rui Pereira, referindo-se ao Concurso Gastronómico, frisou que “não é uma disputa entre restaurantes, o que se pretende é a inovação e a criação”, regozijando-se com o facto de alguns dos pratos que estiveram a concurso ao longo das edições constarem agora das ementas dos restaurantes e dos que este ano se apresentarem a concurso terem sido dos mais comercializados.
O Vereador do Turismo aproveitou a oportunidade para exortar os empresários da restauração a apostarem nos produtos locais, desde a doçaria aos vinhos, passando pelos produtos hortícolas e lacticínios. “Temos obrigação de defender aquilo que é nosso”, afirmou.
A edição de 2011 do “Março com Sabores do Mar” está garantida, assegurou Rui Pereira adiantando que, também para o ano, a Câmara Municipal pretende lançar um outro evento gastronómico, desta feita de pratos de carne, que visa também a promoção dos produtos hortícolas da região.
Em representação da Confraria dos Gastrónomos do Minho, Manuel Albino Penteado Neiva afirmou que “Esposende é já uma referência a nível da gastronomia do mar”. Felicitou os restaurantes aderentes pela qualidade e inovação demonstradas e exortou-os a continuar a participar nesta iniciativa que ano após ano “tem melhorado imenso”.
Enquanto membro do júri do “Concurso Jovem Cozinheiro dos Sabores do Mar”, Francisco Sampaio elogiou o evento, que surgiu como um prolongamento dos Domingos Gastronómicos da então Região de Turismo do Alto Minho, enquanto promotor da cozinha de autor e da gastronomia local.
 Gabinete de Relações Públicas da CME

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Turismo do Porto e Norte organiza Agenda com programação da Quaresma e Semana Santa no território


Incentivar o turista a visitar o Norte do país no período da Páscoa, propondo-lhe viver esta quadra festiva de forma intensa e diferenciada é intuito da Entidade Regional Turismo do Porto e Norte de Portugal ao organizar com as autarquias do território uma Agenda exclusivamente dedicada às Solenidades da Páscoa e da Semana Santa.

Quarenta e seis municípios apresentam, nesta Agenda, programação diversificada que inclui actividades e eventos de cariz religioso, mas também propostas de índole cultural e lúdico. Convidar os visitantes a participar nestas celebrações ou simplesmente a disfrutarem da vasta oferta turística da Região num período de intensa actividade cultural é um dos objectivos. Atrair fluxos de turistas, nomeadamente da vizinha Espanha; contrariar a sazonalidade típica da estação; intensificar sinergias com os municípios e em consequência potenciar a dinâmica nos restaurantes, unidades de alojamento e outros serviços turísticos são também propósitos deste trabalho.

Nesta Agenda destacam-se os rituais de preparação da Páscoa como a decoração das ruas das principais cidades com motivos alusivos à Paixão de Cristo em geral de cor roxa, sobretudo as artérias onde passam as principais Procissões como a do Senhor Morto, do Senhor dos Passos e do Enterro do Senhor. As cerimónias religiosas emblemáticas como o Rito do Lava-Pés, a Tradição do Pão Quente, a Bênção dos Ramos, a visita às Igrejas e as representações cénicas da Via Sacra são momentos altos dos programas preparados com a solenidade que a quadra obriga. Paralelamente há toda uma intensa actividade cultural dedicada à Semana Santa: os Museus acolhem exposições, os Mosteiros abrem as suas portas aos Concertos da Páscoa, alguns concelhos organizam ateliers e workshops para os mais novos e vários realizam Feiras do Folar ou do Pão-de-Ló. A Queima do Judas é também uma tradição pagã enraizada em vários municípios. Nos meios rurais, a azáfama dos preparativos da Páscoa começa com a obrigação de jejuar e escrupulosamente não comer carne às sextas-feiras. As ruas, igrejas e capelas são minuciosamente decoradas com flores, pétalas e velas acesas. Cozinham-se as iguarias da quadra em fornos de lenha e estendem-se nas janelas e varandas as toalhas de linho e renda ao passar das procissões. Os cânticos e as orações das cerimónias da Quaresma ecoam pelas aldeias e lugares recônditos, culminando no Domingo de Páscoa com o rebentar de foguetes e o tilintar das sinetas do Compasso Pascal a anunciar a todos os lares a alegria da Ressureição de Jesus.

Tudo isto o visitante encontra nesta Agenda. E ainda mais. Informações sobre locais, horários, moradas, coordenadas GPS e contactos uteis.

www.portoenorte.pt


http://www.portoenorte.pt/client/files/0000000001/2342.pdf